LG lança novo monitor Full HD e com tecnologia IPS


LG revelou esta semana seu mais novo monitor full HD. O modelo IPS225V-BN, entre outros recursos, conta com as tecnologias LED e IPS, e estará disponível em breve no Japão pelo equivalente a R$ 480.

Monitor LG FullHD (Foto: Divulgação)Monitor LG FullHD (Foto: Divulgação)

Leia mais deste post

Dell lança novo monitor com IPS e resolução de 1920×1200


O modelo UltraSharp U2412M apresentado pela empresa custa US$ 399, tem 24 polegadas e totaliza 2.3 milhões de pixels na sua tela.

O novo monitor permite customização direto nas configurações internas. (Fonte da imagem: Divulgação/Dell)

Monitores gigantescos costumam ser privilégio de editores de vídeo e games fanáticos, principalmente pelo seu alto custo. Pensando no mercado de usuários de alta performance, a Dell lançou um monitor de alto desempenho que promete virar referência em qualidade.

Leia mais deste post

Como escolher um monitor?


Ao adquirir um monitor, boa parte das pessoas leva em conta apenas algumas características básicas, como marca, tamanho e preço. Para não se arrepender depois da compra, é bom prestar atenção em alguns outros detalhes que podem fazer a diferença na sua experiência de utilização, como resolução, contraste, brilho e conexões disponíveis.

Tecnologia

Atualmente, grande parte dos monitores vendidos são de LCD, sigla que, em português, significa Display de Cristal Líquido. Nas lojas, também é possível encontrar monitores do tipo CRT (os monitores de tubo, mais antigos) e LED, uma pequena variação da tecnologia LCD.

As imagens no monitor CRT são formadas por um feixe de elétrons que percorre a tela. Esses monitores possuem baixo custo, fornecem ótimo brilho e contraste de cores e podem funcionar em diferentes resoluções sem distorcer muito a imagem, ao contrário do que ocorre nos monitores LCD. Em contrapartida, os monitores CRT consomem mais energia e são mais pesados, além de ocorrer um efeito de cintilação (chamado de efeito flicker, quando a tela parece “piscar” continuamente) em baixas frequências (60 Hz ou menos), o que pode prejudicar a visão a longo prazo.

Monitores LCD e CRT (Foto: Reprodução/Paulo Higa)
Monitores LCD e CRT (Foto: Reprodução/Paulo Higa)
%d blogueiros gostam disto: