Fotografia: arame e criatividade podem revolucionar suas fotos


Saiba o que você precisa para criar fotos divertidas e impressionantes utilizando apenas arame, objetos que existem na sua casa e muita criatividade.

Há algumas semanas atrás, nós falamos aqui sobre como fotografar brinquedos e pequenos objetos para que eles parecessem ganhar vida. Porém, se você não possui bonequinhos e action figures como os que foram mostrados no artigo, não se preocupe, pois com um pouco de arame e muita criatividade é possível criar ótimas imagens de objetos que aparentam estar vivos e interagindo uns com os outros.

O fotógrafo americano Terry Border ganhou fama, principalmente na internet, com as suas composições divertidas e cheias de criatividade, chamadas de “Bent Objects”. Border faz praticamente qualquer objeto ganhar vida e suas fotografias contam histórias das mais diversas, desde felizes, de amor, engraçadas e até trágicas e tristes.

Crie imagens divertidas com arame e objetos que você tenha em casa (Fonte da imagem: Terry Border – Bent Objects)

É claro que a produção de cada uma dessas imagens envolve um trabalho árduo desse fotógrafo, porém é possível fazer algo semelhante em casa utilizando arame e os objetos que você tiver ao seu alcance. Além disso, você irá precisar de um alicate pequeno e muita, muita paciência.

Forte, porém maleável

São essas as qualidades que não podem faltar no arame que você precisará utilizar para fazer as fotos. Esses fios são baratos e podem ser encontrados em casas de pesca e de ferramentas. É importante que você consiga moldar o arame com as mãos, porém ele não pode ser muito mole, pois precisa sustentar um certo peso para que os objetos não caiam.

A espessura ideal é um pouco mais grossa do que um grampo de papel, e mais firme também. Pode parecer difícil de moldar o arame no começo e é exatamente por isso que é necessário se utilizar um alicate.

Alicate de ponta fina, ideal para moldar o arame

O ideal é que seja utilizado um conjunto de ferramentas especiais para esse fim, com um alicate de ponta curva para segurar, um afiado para cortar e um com a ponta fina para moldar (esse conjunto é muito usado em eletrônica e pode ser adquirido em casas de elétrica). Porém, não é impossível fazer isso com um alicate normal. O resultado pode não ficar perfeito, mas com um pouco de esforço é possível conseguir ótimas imagens.

Escolhendo os objetos e cenário

Agora que você já tem o arame certo, é importante pensar no objeto a ser fotografado. Apesar de o fotógrafo Terry Border criar as suas composições com praticamente todos os tipos de utensílios e alimentos, tente começar com algo mais simples.

Um ponto importante é o peso, já que você terá que sustentá-lo usando (a princípio) apenas o arame. Desta forma, procure fotografar objetos leves, como frutas pequenas, pães franceses, algodão, papel etc… Use a sua criatividade para escolher o que ganhará vida na sua criação.

Escolha cenários e objetos fáceis de manipular (Fonte da imagem: Terry Border – Bent Objects)

Outro ponto que precisa ser pensado é como você irá encaixar o arame no objeto escolhido. O ideal é que seja algo no qual você possa espetar o fio de metal, como frutas e massinhas de modelar. Se você não puder espetar o arame, pense em modos alternativos para fixá-lo, como cola quente, fita adesiva e supercola.

O cenário pode ser algo bem simples, como nas fotografias de Border, nas quais existe apenas um fundo colorido (que pode ser feito com cartolina) e poucos objetos de apoio. Algumas das suas imagens trazem móveis em miniatura que você pode conseguir facilmente se você tiver uma irmã ou filha pequena. É possível utilizar a criatividade e montar cenários de Lego, também, se você preferir.

A principal ferramenta necessária é a criatividade (Fonte da imagem: Terry Border – Bent Objects)

Pense na iluminação

Esse ponto é bastante parecido com o que falamos no artigo sobre como fotografar brinquedos pequenos. Lembre-se de que, para que pareça que eles estão vivos, é necessário que a luz – e principalmente as sombras – sejam proporcionais ao tamanho deles.

A melhor alternativa para iluminar os seus cenários é utilizar luminárias direcionais, que são pequenas e podem ser colocadas perto da cena para criar a sombra ideal. Lembre-se de que a iluminação ambiente, apesar de muitas vezes ser suficiente, não é o mais recomendado nesses casos, pois ela forma sombras mais difusas e menos nítidas.

Se necessário, utilize truques

Se você quiser mais desafios, pode criar cenários mais complexos, com os personagens interagindo da maneira que você achar melhor. Muitas vezes, porém, você pode não conseguir manter os objetos em pé e é preciso usar alguns truques bastante simples.

Algumas cenas seriam impossíveis sem alguns truques simples (Fonte da imagem: Terry Border – Bent Objects)

Tente apoiar os objetos em outros, de maneira escondida. Se não for possível esconder os apoios, você pode incorporar isso à cena, ou pode utilizar uma edição posterior para esconder esse truque. Se você preferir, utilize o próprio arame como suporte, pois, por ser fininho, é mais fácil de remover em uma pós-produção no Photoshop.

Você pode, também, utilizar fios transparentes, que são ainda mais fáceis de remover posteriormente, e amarrar os seus objetos em algum apoio. Encontre saídas espertas para as dificuldades de produção e use a criatividade para capturar belas imagens utilizando arame e objetos corriqueiros da sua casa!

Fonte: Tecmundo

Sobre DarthTec
May the tech be with you

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: