Navegadores – O dicionário de A a Z


Uma lista com todos os termos mais importantes para você saber sobre navegadores.

Conseguir acompanhar os nomes das ferramentas dos navegadores é um verdadeiro desafio, mesmo para quem teve contato com esse tipo de programa desde a criação do primeiro Internet Explorer. Popups, buffer, cache, DNS, JavaScript, tudo isso só se tornou ainda mais complicado com a chegada dos novos browsers, como o Firefox, o Chrome, o Safari e o Opera, que usam termos diferentes para cada função.

Se você também faz parte daqueles que já desistiram de tentar aprender essa avalanche de nomes, não se desespere, pois o Baixaki preparou um dicionário contendo dezenas de itens, seus significados e para quais navegadores eles valem.

Aba: função do Mozilla Firefox que permite ao usuário gerar várias páginas de internet sem a necessidade de abrir uma nova janela do navegador.

 

ActiveX: tecnologia semelhante ao Flash que permite aos sites a execução de diversas funções especiais, como a exibição de animações e vídeos ou mesmo a visualização de arquivos. Atualmente está sendo substituído pelo framework .NET.

 

Add-on: termo usado pelo Firefox para representar qualquer característica adicionada ao navegador, como plugins, temas, leitores de feed, entre outros.

 

Aparência: modificador estético do Opera que permite alterações de diversas características do navegador, como skins, ferramentas disponíveis e afins.

 

Atualizar: função presente em todos os navegadores que “recarrega” o conteúdo da página com quaisquer mudanças feitas no portal entre cada atualização. Essa ferramenta também pode ser usada para o caso do site não ser mostrado da forma correta, como quando parte do conteúdo não é carregado por completo.

 

Avançar: função que permite ao usuário voltar para a página em que estava antes de usar a ferramenta “Voltar”.

 

Barra de endereços: local onde você pode inserir o endereço da página de internet que deseja acessar. É a função mais básica e importante de qualquer navegador.

 

Barra de favoritos: área dos navegadores onde é possível deixar várias páginas favoritas para um acesso mais rápido que pelo método comum.

 

Bloqueador de popup: programa de proteção presente em todos os navegadores que impede as páginas acessadas de abrirem popus.

 

bps (bits per second): taxa da velocidade de conexão com a internet, medida em bits por segundo.

 

Bonjour: ferramenta exclusiva do Safari que conecta o computador a servidores, impressoras e outros tipos de aparelhos automaticamente.

 

Browser: nome em inglês para “navegador”.

 

Buffer: área de armazenamento temporário utilizada pelos navegadores para guardar informações das páginas abertas que não estão sendo visualizadas. Trabalha em conjunto com o cache para melhorar desempenho do computador.

 

 

Cache: área de armazenamento criada pelos navegadores para guardar dados dos sites de internet localmente, evitando que o computador precise fazer consultas constantes à rede para trazer as informações da página. Diferente do buffer, que guarda informações exclusivamente do que está aberto no browser, o cache mantém seus arquivos por tempo indeterminado.

 

CGI (Common Gateway Interface): padrão de servidores da web que é usado como meio de comunicação entre o navegador e a página de internet. 

 

Chrome Web Store: Loja de extensões para o Google Chrome, onde você pode baixar diversos aplicativos com as mais diversas funções.

 

Codificação: ferramenta que converte as informações passadas para o navegador em dados mais apropriados ao usuário, de acordo com a opção escolhida por ele.

 

Código Fonte: ferramenta dos navegadores usada para visualizar todo o código de programação da página.

 

Complemento: termo usado pelos navegadores Firefox e Opera para se referir aos aplicativos que adicionam novas funcionalidades aos programas.

 

Cookies: arquivos guardados no computador contendo dados de comunicação de cada página acessada, servindo como um atalho entre o site e o navegador.

 

Criptografia: sistema que converte um arquivo em um código secreto, que só pode ser lido após ser decodificado.

 

CSS (Cascading Style Sheets): linguagem utilizada pelo navegador que transforma conteúdos HTML ou XML em documentos de texto.

 

DNS (Domain Name System): recurso da internet que “traduz” um domínio para seu endereço de IP correspondente.

 

Domínio: endereço utilizado pelos sites de internet (ex: http://www.tecmundo.com.br) que substitui as extensas sequências numéricas anteriormente necessárias para o acesso a uma página.

 

Downloads: área onde é possível ver uma lista de todos os arquivos baixados pelo navegador.

 

Encriptação: termo alternativo para “Criptografia”.

 

Endereço: mesmo que “Domínio”, mas utilizado de forma mais popular.

 

Endereço IP: número utilizado para localizar uma página de internet em meio à rede, de forma semelhante a um endereço real.

 

Extensão: o mesmo que “Complemento”, mas usado pelos navegadores Internet Explorer, Google Chrome e Safari.

 

Favicon: pequenos ícones utilizados pelos sites de internet para facilitar a identificação do usuário, geralmente contendo a logo do portal. São visíveis tanto ao lado da barra de endereços quanto nos cantos das abas/guias ou junto dos nomes da página, caso ela esteja nos favoritos.

 

Favoritos: função dos navegadores que permite que o usuário crie um atalho para qualquer página desejada. É importante lembrar que o favorito não funciona em 100% dos casos, uma vez que certos sistemas de segurança podem bloquear o acesso a áreas do site em situações variadas (por exemplo, se você não tiver feito o logon).

 

Feed: formato de transmissão de notícias utilizado por sites e blogs, que envia postagens aos navegadores dos usuários assinantes para serem vistas pelos leitores de feed, embutidos nos principais browsers da atualidade (com exceção do Google Chrome).

 

Filtragem ActiveX: ferramenta do Internet Explorer que permite o controle de quais aplicativos ActiveX podem ser executados por cada página.

 

Filtro SmartScreen: recurso do Internet Explorer criado para proteger o usuário contra o Phishing e contra a instalação de softwares maliciosos.

 

Flash Player: o player da Adobe é utilizado por quase todos os navegadores de internet da atualidade para visualizar jogos, animações, vídeos, entre vários outros.

 

FTP (File Transfer Protocol): sistema de transmissão de arquivos pelo navegador, famoso por ser versátil e extremamente rápido.

 

Fullscreen: termo em inglês para “Tela Cheia”

 

Gateway: sistema de comunicação intermediário entre o navegador e a rede de internet.

 

Google Chrome: navegador de internet criado pela Google, conhecido por ser o mais veloz no mercado e é atualmente um dos três mais usados no mundo.

 

Google Cloud Print: ferramenta do Google Chrome que conecta o navegador à sua impressora, de onde quer que você esteja (desde que haja uma conexão de internet).

 

Guia: o mesmo que “Aba”, apenas com outro nome. O termo é utilizado por todos os maiores browsers, com exceção do Firefox.

 

Guia Privada: função exclusiva do Opera que cria uma guia em que o usuário pode navegar sem deixar rastros. Diferente do modo de navegação privada dos outros navegadores, essa ferramenta pode ser utilizada de forma conjunta às abas normais.

 

Grupo de abas: sistema exclusivo do Firefox que gera uma “pasta”, em que você pode juntar as abas abertas no navegador em diferentes grupos, facilitando a organização e a visualização das páginas.

 

Histórico: Área do navegador onde o usuário pode ver uma lista com todas as páginas já acessadas pelo browser.

 

HTML (HyperText Markup Language): linguagem básica utilizada na programação de um site, que deve ser interpretada pelo navegador.

 

HTTP (HyperText Transfer Protocol): padrão que traduz suas ações em uma linguagem compreensível para o site com quem seu navegador está se comunicando.

 

InPrivate: modo de navegação do Internet Explorer em que o usuário pode acessar quaisquer páginas e sites sem deixar rastros.

 

Internet Explorer: navegador de internet criado pela Microsoft, é o browser mais utilizado no mundo.

 

Java: plugin, que usa a famosa linguagem de mesmo nome, presente na maioria dos navegadores para o uso de conteúdos interativos, como jogos online.

 

JavaScript: linguagem usada juntamente com o HTML para acessar as páginas da internet.

 

Leitor de Feeds: sistema presente nos navegadores Internet Explorer, Mozilla Firefox, Safari e Opera que permite ao usuário a visualização de feeds enviados pelos sites de internet.

 

Lista de Leitura: área do Safari onde você pode arrastar qualquer página de internet para uma leitura posterior.

 

Marcadores: termo alternativo para “Favoritos”.

 

Modo offline: ferramenta que permite aos usuários a visualização de páginas sem que haja uma conexão com a internet, caso os dados do site estejam armazenados no computador.

 

Mozilla Firefox: navegador de internet criado pela empresa Mozilla, famoso por sua versatilidade. Está entre os três browsers mais utilizados no mundo e é considerado o sucessor do Netscape.

 

Navegação Privativa: modo em que você pode navegar pela internet sem deixar rastros, como dados pessoais, cookies, logins, entre outros.

 

Netscape: navegador criado pela empresa de mesmo nome. Embora tenha sido derrotado pela Microsoft durante a primeira “guerra dos browsers”, o Netscape sobreviveu até 2008, quando foi substituído pelo Firefox, seu sucessor não oficial.

 

Notas: ferramenta exclusiva do Opera para a criação e gerenciamento de anotações feitas pelo usuário.

 

Opera: navegador criado pela Opera Software, famoso por ter várias funções que o tornam exclusivo. É o quinto navegador mais utilizado no mundo.

 

Opera Dragonfly: ambiente de criação para navegadores compatíveis com o Opera Presto.

 

Opera Link: sistema exclusivo do Opera, que mantém uma sincronização constante entre todos os navegadores que estão utilizando a mesma conta do aplicativo.

 

Opera Turbo: função do Opera que compacta os dados das páginas de internet, permitindo que a visualização rápida de sites mesmo com uma conexão lenta.

 

Opera Unite: ferramenta do Opera que transforma o navegador em um servidor para a hospedagem de vários serviços, como a transmissão e armazenamento de arquivos, fotos e músicas.

 

 

Página Inicial: site em que seu navegador é iniciado sempre que você o executa. Ele pode ser alterado para qualquer página desejada, ou mesmo modificado para não mostrar página alguma.

 

Painéis: barra de utilidades do Opera onde você pode criar atalhos de favoritos, além de ter acesso a outras funções do navegador.

 

Persona: extensão do Firefox que permite a modificação do navegador de forma semelhante aos temas, mas com foco no “papel de parede” do programa.

 

Plugin: termo em inglês para “Complemento”.

 

Popup: janela (normalmente de propaganda) que se abre ao acessar determinadas páginas. Anteriormente era considerada uma praga para a internet, mas hoje quase não apresenta ameaça graças aos bloqueadores de popup.

 

Preenchimento automático: ferramenta dos navegadores que guarda informações já inseridas em campos de pesquisa para facilitar o acesso de uma página.

 

Protocolos: padrão de comunicação criado para permitir a interação entre dois computadores.

 

Proxy: sistema que faz a comunicação entre o computador e a rede usando o IP do servidor no lugar do utilizado pelo pc, permitindo uma maior segurança de informações ao usar o navegador.

 

Reabrir Aba: ferramenta do Mozilla Firefox que reabre uma aba fechada no mesmo estado em que estava anteriormente (com exceção de vídeos carregados), desde que essa tenha sido aberta na mesma sessão.

 

Refresh: termo em inglês para “Atualizar”.

 

Reload: nome equivalente para “Refresh”.

 

RSS (Really Simple Syndication): Formato de feed que transmite o conteúdo ao usuário de forma simplificada e pode ser lido por qualquer programa com suporte a arquivos XML.

 

Safari: navegador criado pela Apple, o quarto mais usado no mundo.

 

Sessão: período em que você usou seu navegador, do momento em que ele é aberto até quando você o fecha.

 

Sync: ferramenta exclusiva do Firefox que permite a você o acesso a todos os seus favoritos, histórico e outros dados importantes de outro computador, desde que esse também possua o navegador da Mozilla.

 

Tab: Nome em inglês para “Aba”.

 

Tela Cheia: função presente em todos os navegadores que, quando ativada, esconde toda a interface do computador, aumentando a área de visualização da página de internet para a tela inteira.

 

Temas: modificações estéticas presentes no Firefox. Diferente do “Persona”, tem foco na aparência da interface do navegador.

 

TCP/IP (Transmission Control Protocol / Internet Protocol): sistema padrão utilizado para a comunicação entre computadores. Permite a conexão entre milhares de PCs simultaneamente.

 

URL (Uniform Resource Location): padrão de endereçamento da Web, que permite a cada página o seu próprio nome, diretório e endereço.

 

Voltar: função que permite ao usuário voltar para a página em que estava anteriormente.

 

WAP (Wireless Application Protocol): sistema de conexão de internet para a transferência de dados sem fio, usado principalmente nos navegadores de celulares e smartphones.Com o passar dos anos, está sendo substituído pelas redes 3G.

 

Web: termo em inglês para “rede”.

 

Widgets: termo usado pelo Opera para se referir às extensões e complementos disponíveis para o navegador.

 

WorldWideWeb: primeiro navegador criado na história, com uma interface quase completamente formada por texto. O “www” usado no início dos endereços da internet se deve a ele.

Fonte: Tecmundo

Sobre DarthTec
May the tech be with you

One Response to Navegadores – O dicionário de A a Z

  1. Pingback: O Melhor da semana – 05/08 « Darth Tec

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: