‘Usuário aceita violação de privacidade na web’, diz Al Gore


O ex-vice-presidente dos EUA Albert Gore disse nesta terça-feira na Campus Party do México que “em quase todos os países (…) as pessoas aceitaram a violação de sua privacidade em troca da comodidade (da internet)”.

Em um momento em que se multiplicam as redes sociais disponíveis e no qual cresce geometricamente o número de usuários, a privacidade foi um dos temas principais debatidos na conferência central do dia na terceira edição do Campus Party do México.

O americano Vinton Cerf e o britânico Tim Berners-Lee, considerados os pais da internet, acompanharam Al Gore em um debate para refletir sobre os primeiros dias da rede, o mundo web e seu futuro.
Ex-vice-presidente americano Al Gore participa do Campus Party, um evento de tecnologia, na Cidade do México

Ex-vice-presidente americano Al Gore participa do Campus Party, um evento de tecnologia, na Cidade do México

Por sua vez, Berners-Lee comentou que a web inclui o que está no computador, mas que a pessoa deve ter controle sobre onde está e com quem o compartilha.

Al Gore incentivou também aos presentes a “defender a liberdade da internet” diante da “crise climática e da democracia”.”O maior benefício que conseguimos com a internet é a informação que outros decidem compartilhar”, indicou Vinton Cerf, cocriador do protocolo TCP/IP.

A internet é uma “ferramenta essencial” para a democracia, disse o político, ao advertir que “há governos no mundo que querem mudar os protocolos que defendem a internet livre”.

“A internet é uma rede de pessoas, não de máquinas. Devemos proteger essa ideia central”, disse.

A ideia de uma internet livre também foi defendida por Tim Berners-Lee, criador do protocolo “www”, que disse que uma das razões para usar essa ferramenta é “encontrar a verdade da situação política, da ciência…”.

MEIO AMBIENTE

Al Gore que em 2006 lançou o documentário “Uma Verdade Inconveniente” para advertir sobre os efeitos da mudança climática também destacou que “internet é a solução para o aquecimento global”.

Em seu compromisso com o meio ambiente, o ex-vice-presidente vê na internet a ferramenta para “promover a realidade do aquecimento global”.

O futuro da imprensa na internet e da gestão dos direitos autorais de propriedade intelectual também foram dois temas debatidos na conversa.

Al Gore cumprimenta o americano Vinton Cerf, que está ao lado do britânico Tim Bernes-Lee; Cerf e Lee são considerados os pais da internet

Al Gore cumprimenta o americano Vinton Cerf, que está ao lado do britânico Tim Bernes-Lee; Cerf e Lee são considerados os pais da internet

A respeito disso, Cerf comentou que a internet representa uma “oportunidade para inventar e não para retroceder”.

Berners-Lee indicou que “as empresas que faziam discos já não são relevantes (…), é preciso buscar formas de pagar quem produz música”.

Quanto aos meios de comunicação, Al Gore considerou que deve proporcionar ao jornalismo “um apoio de alta qualidade na web”, o qual pode dar-se tanto por meio de conteúdos pagos como gratuitos.

 

Fonte: Folha

Sobre DarthTec
May the tech be with you

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: